18 de setembro de 2013

Falta...



Sinto falta das músicas que refletiam sentimentos,
Das doces palavras pronunciadas,
E dos raros sorrisos dados.

Sinto falta do cheiro da grama,
Da chuva fina quase imperceptível,
E daquele pôr-do-sol.

Sinto falta das rosas,
Até mesmo das de papel,
Ou das que logo pereciam.

Sinto falta de fazer confissões,
Entre sorrisos sem jeito,
Ou debaixo dos lençóis impregnados com nosso cheiro.

E de todas as coisas que tive,
O que eu mais sinto falta,
É de ser feliz.

(Malka Lima - 17-09-13)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada pela visita e pelo comentário! Não esquece de se identificar... Fico curiosa com anônimos! ;)