15 de novembro de 2016

Sobre a tristeza


As vezes sentimos aquela amargura nos tomando por inteiro e de repente estamos submersos. O peso de tudo a nossa volta nos faz afundar cada vez mais dentro de nós mesmos isso revela coisas que deixamos no nosso ínfimo e quando vem a tona... Afundamos mais um pouco.

Não se sinta mal por ficar triste. Nós precisamos nos dar o direito de sentir, precisamos nos permitir sentir. Precisamos aceitar que sentimentos "ruins" não nos fazem mal. O mundo nos levou a crer que não podemos ser tristes, não podemos chorar, sentir dor, sentir o sofrimento. Isso nos força a viver numa redoma de alegria sem tamanho. E essa redoma vai crescendo e crescendo e pode acabar nos sufocando.

As redes sociais acabou piorando tudo, vemos milhões de pessoas felizes todo tempo e sentimos a obrigação de também nos expor dessa forma. Acabamos suprimindo a dor até nos engasgarmos e explodirmos. O que acaba nos fazendo mais mal ainda.

Eu li uma vez que nós não vemos os momentos tristes no álbum de fotos, mas são eles que nos levam de um momento feliz ao outro. São os momentos ruins que nos fazem valorizar os bons momentos. São os momentos tristes que fazem os bons valerem a pena.

Parece difícil de compreender assim, é aquele famoso "é fácil falar", mas no fim vale a pena.


PS: Se quiser entender um pouquinho mais e de forma lúdica assistam Divertida Mente! ;) Vou deixar o trailer aqui embaixo:


Um comentário:

  1. Eu particularmente sempre reprimir esse sentimento. ..... mas agora aprendir que o melhor é colocar para fora.......

    ResponderExcluir

Obrigada pela visita e pelo comentário! Não esquece de se identificar... Fico curiosa com anônimos! ;)