24 de dezembro de 2016

Sobre não desistir


Há algum tempo eu fiz uma loucura. Empurrei a minha vaquinha do precipício e saí da minha zona de conforto e olha... Te garanto que não foi fácil. Foram dias pensando no que fazer, pensando se era o certo, se valeria a pena, se eu ainda tinha idade pra essas coisas, se não estaria me precipitando, se não tinha ficado doida. Eu pensei tanta coisa que não sei bem como coube tudo isso na minha cabeça. Então... Cheguei na beira do precipício e não só empurrei a vaquinha (se não entendeu clica aqui) como me joguei junto com ela.

Eu pedi demissão de um emprego fixo e rotineiro e acreditei no meu sonho. Me joguei e abri as asas e adivinha só: estou voando. Logicamente o voo não é fácil! Longe disso, muito longe mesmo! É um voo complicado e cheio de atropelos no meio do caminho. Montanhas baixas e fáceis de sobrevoar, neblinas assustadoras, aves de rapina e verdadeiros Everests pra ultrapassar, mas vou realizando meus sonhos uma meta de cada vez, um objetivo por vez, um passo de cada vez!

Não nego que já pensei em desistir e voltar para a zona de conforto. Apesar de "insatisfatório", era comodo. E falo insatisfatório entre aspas, pois ter um emprego hoje em dia é uma dádiva, trabalhar com algo que gosta é um desejo de todos, mas não realizar um sonho é o mesmo que não viver e eu escolhi viver! Muitos vão te falar que é loucura e tantos outros vão tentar te fazer desistir dele, mas acredite em você e no seu potencial.

Esforce-se, enfrente seus medos, acredite que é capaz! Eu duvidava muito de tudo isso, mas passei por um processo de coaching (para entender o que é clique aqui) e isso mudou a minha vida. Este é o meu relatório final sobre tudo o que passei. Pra resumir: deu tudo certo e estou bem melhor comigo mesma agora. Se quiser ler o resto da história em detalhes, é só se preparar pro textão e clicar pra abrir a postagem! ;)




Não nego que cheguei no primeiro dia um tanto quanto desconfiada. Não conhecia bem a minha coach, Katarina Lima, e é um processo que te faz passar por tanta coisa, te faz enxergar tanta coisa que o coach lembra bastante um psicólogo, só que mais legal! Como já tinha pesquisado antes, sabia que o trabalho dela era apenas me provocar e me fazer entender as coisas. Questionar minhas escolhas, me fazer ver além e ver o que eu realmente queria. Ela me guiaria e organizaria meus pensamentos e desejos em prol do meu sonho.

Eu cheguei para o coaching com um sonho e saí de lá com metas claras e objetivos bem definidos para realização dele. Entrei com uma autoestima inexistente e agora entendo o meu valor e sei do que sou capaz. Sou capaz de tudo aquilo o que eu quiser, basta coragem, planejamento e organização! Aprendi que não basta apenas sonhar, precisamos lutar e correr atrás do que queremos. Correr muito! Foi difícil olhar pra dentro de mim e ver coisas que eu me negava a enxergar.

Passei por tudo, encarei meus monstros interiores e lá no fundo encontrei uma fortaleza que eu nem sabia que existia! Consigo encarar as pessoas e me portar diferente, consigo me impor e o que eu não vou cansar de repetir: conheço do que sou capaz. Sei do meu valor, acredito em mim mesma e sei que posso voar até onde eu quiser e que sou a minha pior inimiga.

Atualmente o meu canal vem crescendo, meu Instagram também, estou conseguindo alguns trabalhos e projetos novos estão surgindo todos os dias, assim como as ideias. O coaching me ensinou a colocar as coisas no lugar, a me organizar e fazer todo o planejamento necessário. Aprendi que sou uma só e não posso fazer tudo ao mesmo tempo, que existem tarefas delegáveis e outras que são desnecessárias.

Uma das coisas que eu mais gostei de aprender e levarei para sempre comigo foi "como lidar com as críticas". Me tornando uma "figura pública" é óbvio que haters aparecerão, dezenas de criticas e algumas serão construtivas e outras destrutivas apenas para causar o meu mal estar, mas eu aprendi que estas devem ser deixadas de lado e as construtivas são direcionadas a situação e não a mim, que posso aprender e melhorar com elas.

Todas as minhas metas que foram definidas no começo do processo foram alcançadas antes do prazo! Agora tenho novas metas e novos planos para 2017 e se forem surgindo problemas no meio do caminho, apenas abrirei minhas asas e enfrentarei de cabeça erguida. Sei que posso ir mais longe, sei que posso ir para onde quiser! Hoje enfrento meus sabotadores e acredito no meu potencial.
Obrigada, Katarina.

Foi uma loucura me jogar do precipício, mas nunca fui tão feliz o quanto me sinto agora que estou voando.

~~~

Se quiser realizar um sonho ou desenvolver o seu potencial humano, procure a Katarina Lima (marialima.katarina@gmail.com) ou a Catharina Melo (contato@catharinamelo.com). É só mandar um e-mail, entrar em contato, conversar, tirar as dúvidas, se jogue e lembrem-se que todo o potencial está dentro de vocês. Elas só vão dar aquele empurrãozinho necessário!

Por hoje é só! s2


















3 comentários:

  1. Parabéns pela coragem!!!
    Parabéns pelas conquistas!!!
    Somos mais fortes que nossos medos sempre; você provou isso. E agora usufrui de toda felicidade dessa descoberta.
    Imensa gratidão pela confiança!!!
    Obrigada pelo incentivo para seguir com minha missão!!!

    ResponderExcluir
  2. Fico imensamente feliz em ver toda essa energia criativa devidamente canalizada. Você tem um grande potencial. Vai fundo, que você chega lá!

    ResponderExcluir

Obrigada pela visita e pelo comentário! Não esquece de se identificar... Fico curiosa com anônimos! ;)